Navigate / search

Escalamos as 5 melhores comédias para ver de tarde em um feriado

São 5 daqueles filme que podemos assistir em loop sem enjoar. Na verdade quanto mais assistirmos melhor, pois assim podemos decorar as cenas. Daqueles que se estiver por 10 reais na promoção de DVD das Lojas Americanas não dá para deixar de comprar. Filmes que formam o caráter, lições para a vida. Confira os filmes que escalamos.

• Monty Python e o Cálice Sagrado (Monty Python and the Holy Grail, 1974)
Um clássico produzido em 1974. Para muitos, a melhor comédia de todos os tempos. O nonsense na sua verdadeira essência. Nesse filme, grupo de humor inglês revisita a lenda do rei Arthur e cria inesquecíveis esquetes. O coelho assassino; os cavaleiros que dizem Ní!; o mocinho que sonhava ser salvo pelo príncipe; as ninfomaníacas virgens e por aí vai. Sem contar o final que passa por cima de séculos de evolução tecnológica. Geralmente assistir esse filme causa um efeito colateral: dá vontade de ver em seguida mais umas 20 vezes. Vai por mim.

• Top Secret (Top Secret, 1984)
Para quem curte paródias, esse é o filme. Algumas seqüências são de chorar. Isso sem contar que o ator Val Kilmer (ele mesmo, que fez Jim Morrison, em The Doors) faz um cantor bem sem-noção, envolvido em uma confusão na ex-Alemanha Oriental. Pois é, a história é só um pano de fundo para uma trama louca e impagável. Atenção: preste muita atenção na parte em que estão em uma livraria. A cena é toda filmada ao contrário. O efeito é muito esquisito e causa um estranhamento em quem assiste. Isso sem falar da briga em um saloon embaixo d´água. Bom, melhor não comentar mais. Top Secret é bem assim: absurdo.

• Zelig (Zelig, 1983)
A obra mais louca de Woody Allen. Parece um documentário, mas é filme de ficção. Tudo gira em torno do incrível Leonard Zelig, um sujeito capaz de se adaptar a qualquer ambiente. Com ele não tem essa de ficar deslocado em um ambiente. Se está no meio de índios, do nada vira cacique. Se está em um congresso de médicos, de supetão vira ginecologista. Encontro de músicos? Moleza, Zelig vira flautista no ato. Já pensou esse cara na balada nos dias de hoje? Se sairia bem do baile funk às festas rave. E nem precisaria ir no programa do Rodrigo Faro para tentar arranjar mulher.

• O Feitiço do Tempo (Groundhog Day, 1993)
Qualquer filme só por ter o Bill Murray já começa com alguns pontos de crédito. Aqui ele é Phil, um repórter da previsão do tempo que acorda sempre no mesmo dia, o dia que ele mais odeia, o Dia da Marmota. Após o susto inicial, ele utiliza esse fato para fazer o que qualquer um faria: pegar mulher. É um filme que estaria no meu Top 5 não só de comédia, como de qualquer género, porque além de ser muito engraçado tem também uma história excepcional. É um filme para a família Restart.

• Borat: O Segundo Melhor Repórter do Glorioso País Cazaquistão Viaja à América (Borat: Cultural Learnings of America for Make Benefit Glorious Nation of Kazakhstan, 2006)
Outro filme em ritmo de documentário, misturando entrevistas reais e cenas dramatizadas. Borat, segundo melhor repórter da TV do Cazaquistão e sexta pessoa mais famosa do país, é enviado aos Estados Unidos para aprender um pouco da cultura ocidental. Se o filme só ridicularizasse os americanos já seria muito bom, mas ele trás também algumas cenas épicas, como a melhor cena de briga da história do cinema em que, pelados, Borat e seu produtor Tony Ramos style brigam, com direito a esfregada de saco na cara. Cinema verdade.

Ao ler esta lista vocês podem estar pensando: “e daí, escalar uma lista de filmes é fácil, queria ver é escalar o Monte Everest”. Concordo que não temos tanta moral para escalar nada nem ninguém como por exemplo o Mano Menezes. Com ou sem Ronaldinho Gaúcho o Mano, o Menezes, escala a Kaiser que ganhou um selo de qualidade internacional na Europa.


Mas falar é fácil, quero ver é a sua escalação.

Comments

Dunha

Borat? Que lixo!

Breno

Desses 5, eu só assisti o Borat. E como foi um dos filmes mais idiotas que eu vi na minha vida, eu passo os outros. Woody Allen é uma merda.

renan

to contigo. passo.

Manoel Joaquim

Finalmente alguém posta de fato 5 entre as 10 melhores comédias. Óbvio que a geração Y vai criticar…eles gostam de filmes com a Jennifer Aniston e aquela atrizcantora ruim pra daná…comé o nome mesmo? Jennifer Lopez. Povo sem memória.

Joabe

Borat e Feitiço do tempo foram algumas das melhores comédias que já assisti, os outros infelizmente não assisti, mas já estou indo atrás.

Jean

Caras, esse merchan da Kaiser totalmente fora de contexto quase estuprou seu post. Mas a lista é muito boa.

Sandro P

Assisti todos. Lista excelente, porém eu dava um jeito de encaixar A Vida de Brian do Monty Python, que eu acho melhor que o Cálice Sagrado.

Mateus

nao assisti o Top Secret, mas falando de paródias eu acho dificil que ele seja mais engraçado que o “Top Gang – Ases Muito Loucos”

Caetano

Top Gang é um filme que foi na onda de Top Secret, na realidade, é quase uma imitação daquele.

Arthur

Olha não assisti os filmes da lista, mas ainda assim acho que Airplane! merecia um lugar. As melhores risadas de toda a minha vida

Jamil Dagher

Desses só assisti ao Monty Phyton, e concordo com o Sandro P, a Vida de Briam é único, devia estar na lista.

Laio

da lista só assisti borat..
e nao tiraria dela nao..
mas o melhor mesmo eh “the hangover” acho que eh issoo
no brasil traduziram para Se beber nao case, concerteza colocaria nessa lista

@ericsampaio_

Não sou nada culto.
Não assisti a nenhum dos 5 =(

RaphaHell

Faltou o melhor: Up in Smoke, no Brasil lançado como Queimando Tudo.
Comédia obrigatória.

joao

Eu tiro Borat e ponho Se Beber não case, ou Loucademia de polícia, ou Corra que a polícia vem aí.

PIMENTEX

Tiro Borat e boto M*A*S*H* de 1970 que junto ao top secret são as duas melhores comédias que eu já assisti… não vi Mount Phyton e nem esse do woody allem mas devem ser bons

Ernani

Quanta gente falando merda rsrs tiraria Borat e botaria corra que a policia vem ai, e botaria a vida de brian também ou deixa o quesito ‘monty phython’ em aberto pq todos são muito bons. sou mais novo que a “geração Y” e mesmo assim aprecio os filmes classicos.

Gabi S2

deveria ter ai o de pernas pro ar haushaush rashei muito XD

Breno

1. As Branquelas
2. Top Gung 2 (tem que ser o 2)
3. Corra que a policia vem aí 3 1/3
4. American Pie
5. Rat Race (ta todo mundo louco)

Karina

Sacanagem esquecerem do Mel Brooks. Qualquer um, desde Jovem Frankenstein até Robin hood ( Men in Tights) até o esquecido mas fantástico Spaceballs. Esse último está em Mp4 no meu Ipod para horas de ócio hehhe

PubHead

Borat é o DVD que nunca comprarei !! Mas sempre me lembro da cena do Top Secret quando eles estao no tiroteio debaixo d’agua e jogam o jogo da velha, muito bom!! Pena que a nova geracao nao conhece, acho nao conhece nem jogo da velha!!