Navigate / search

Fogo no rabo

Afinal, o que a logo do Santander faz aí no fiofó do Mark Webber? Eu fiz duas leituras: me parece tanto uma chama esquentando o rabicó do piloto; mas também me parece um pedaço de peloto deixado pelo escapamento do australiano. E vocês, pimpolhos nadavéricos, o que viram?
Essa foto é um achado de Claudio Rabelo.

O novo técnico da seleção brasileira

Após a súbita e traumática eliminação do Brasil na Copa do Mundo, começam as especulações sobre quem será o próximo treinador da seleção brasileira. Nomes como o de Felipão, Mano Menezes, Muricy são cotados. No entanto, nós do Nadaver apoiamos um outro candidato muito muito vitorioso: Bernardinho. Sim, ele mesmo, o do vôlei. E daí que ele é técnico de outro esporte. São tantas as razões que legitimam a nossa escolha que certamente você também vai se convencer.

• RELACIONAMENTO COM A IMPRENSA:
Nesse ponto, os jornalistas não terão o que se queixar, uma vez que o que Bernardinho faz sempre vira manchete.

• RELACIONAMENTO COM JOGADORES:
Isso aí é melzinho na chupeta para Bernardinho, já bastante acostumado em levantar a moral dos atletas e sempre dando 1 e até 2 toques na hora que eles mais precisam.

• PREMIAÇÃO:
Bernardinho defende a tese de que os atletas mais engajados e comprometidos devem, sim, fazer saques quando lhes convier.

• CONCENTRAÇÃO:
Esse é um tópico que Bernardinho não abre mão. É preciso, de fato, fazer um bloqueio e até dar umas cortadas nas interferências de familiares e amigos antes dos jogos.

• FOLGAS:

Todo atleta tem direito à folga, no qual poderão usufruir de um almoço em um rodízio e, posteriormente, descansando numa rede.

• ESQUEMA TÁTICO:
O importante é o ataque estar sempre pingando, principalmente pelo meio. Esse será nosso cartão de visitas. Seja pela entrada ou pela saída.

Participe dessa campanha: escreva no espaço dos comentário os pontos que fazem de Bernardinho a melhor opção para a seleção de futebol ou digite no twitter do Nadaver com esse código #bernardinhoseleção .